1 comentário:
De Rose Sousa a 26 de Outubro de 2014 às 02:47
Por que tem vergonha de dizer que o texto é da Madre Tereza de Calcutá?


Comentar post